Retorno ao Labirinto

Bem vou me apresentar,sou a Ale, irmã da Ju Galak, vocês já leram sobre mim em alguns post. Pois bem, estava eu uma tarde destas navegando pela web, como se não tivesse mais nada para fazer, quando me deparo com nada mais nada menos do que o mangá RETURN TO LABYRINTH de Jake T. Forbes e  Chris Lie e tenho um ataque de nostalgia da minha adolescência (minha irmã jura que já havia me contado, mas não me lembro… sabe, a idade pega). Claro que junto com a curiosidade veio um desejo incontrolável de ter os mangás ( como minha irmã diz sou uma mangacólotra) e junto uma raiva das editoras brasileiras pois só tem o mangá no exterior.

Mas voltando ao assunto do tópico, quem em sua adolescência ou infância não teve o prazer, nem que seja na sessão da tarde de ter visto este filme de 1986 (gente tô velha)  Labirinto – A Magia do Tempo, estrelado por David Bowie (não que ele seja grande coisa, o personagem é que conta) como Jareth o Rei dos Goblins e Jennifer Connelly como Sarah Williams , a irmã ciumenta que quer se livrar do irmãozinho Toby. Inconformada por ter que cuidar do meio-irmão para os pais saírem, e com o choro incansável do bebê, ela conta uma história para o irmão dormir, sobre uma garota não suporta mais a situação de escrava em que se encontra e deseja que os goblins levem seu irmão embora, para sempre. Bem daí você já imagina o que vai acontecer, o Goblin vem e bla,bla,bla………… vai ver o filme ( eu tenho em DVD, tamanha a fissura).

Mas continuando, qual não foi a menina (que tinha irmão/irmã bebê) que não sonhou em encontrar Jareth e resolver a situação (inclusive eu, desculpa maninha te amo, mas..). Quantos bailes na nossa mente sonhadora não quisemos estar no lugar da Sarah, mas claro que eu não voltaria do labirinto nunca, e ter um amor como o oferecido pelo Rei Goblin. Quantas festas de debutantes e todas queriam o vestido igual ao da personagem. Pois bem Labirinto é assim, uma estória romântica, com um final em aberto, que não tem idade e nem época certa, parece estar ser sempre atual na mente das meninas sonhadoras e românticas. Agora só resta ficar no aguardo de qual o resultado desta estória pois o mangá se passa treze anos após o acontecimento do filme e agora Toby se encontra no Labirinto e Jareth o declara seu sucessor e parte para o mundo humano, real seja lá como chamem. Bem com a confusão armada só resta a Toby assumir sua responsabilidade e desvendar os mistérios do labirinto.

Para terminar fica aqui a parte do baile do Rei Goblin para vocês conhecerem ou recordarem. Fui!

Anúncios

17 comentários sobre “Retorno ao Labirinto

  1. CACETE, Alessandra!

    Tu queria me doar para os duendes como se eu fosse um blusão velho na campanha do agasalho.

    Mas que falta de consideração.

    Abraço.

  2. Maninha da um desconto, não é fácil se ter 13 anos e um bebê chorão atrás de ti!!!!!
    Brincadeirinha, te amo muito mana!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. Acho que tinha que doar mesmo….hauhauhauhahauah
    Afinal a Jú ia ter a oportunidade de ver de perto o “collan” (sei lá o nome daquela calça grudada) que o rei dos duendes usava.
    hauhauhauhuahuahauhuahauhuahauhau Sua tarada….

  4. Esse filme é tuuuuuuuuuuudo de bom… Eu queria muito ter o filme e revê-lo mas, não sei onde consegui-lo. As locadoras de minha cidade não dispõem dele. Mas, qto a David Bowie… Realmente, ele não é lá grande coisa, ele é até muito sinistro… Mas, no filme, ele tem algo q realmente mexe com a imaginação feminina…

  5. Oi! Tava pesquisando sobre este mangá… comprei segunda passada! Sei que já faz tempo que vc postou a respeito dele, mas… corre pra banca!
    É mto interessante… Jareh, como sempre, lindo!

  6. Oi Cláudia! Tudo bem?

    Seguinte, claro que minha irmã (assim como eu) sabemos da importância do David Bowie como músico (particularmente sou grande fã dele). No entanto quando minha irmã usa a expressão “não é grande coisa”… ela se refere a meus comentários quando pequena do nosso querido camaleão com os cabelos arrepiados e calças colantes (o que, na minha opinião, não era uma visão muito edificante). Mas opinião é opinião, cada um tem a sua.
    Um abraço e obrigada pela visita!

    Ju Galak

  7. OI Cláudia! Desculpe se ofendi, mas essa não foi minha intensão. Eu adoro David Bowie, por sinal até sonhava com ele, achava gatíssimo com aqueles olhos bi-colores e cantarolava suas músicas sempre, já sabia decor, ouço até hj, acho que ele é um dos maiores ícones musicais da sua época. Mas no contexto do post eu me referia a atuação dele no filme.
    Espero que você retorno a nos visitar.
    Bjs AleGalak

  8. Oi Muriel, ano passado consegui os 3 primeiros volumes em português, mas infelizmente a editora on-line não publicou o último volume. Isso esta se tornando comum nas editoras brasileiras pararem de publicar um mangá super legal, no meio da estória. É triste mas é a verdade.
    Abraços
    AleGalak

  9. assista online, se vc digitar no google assistir O labirinto a magia do tempo assistir online, vão aparecer váriosss sites p vc assistir sem precisar fazer download nem nada, so clicar e assistir!!

  10. Que bom que gostaste Anderson, para a época em que foi lançado era o que tinha de mais surreal.
    Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s