O Cavaleiro dos Sete Reinos

dunk e eggDando continuidade à minha meta de terminar de ler todos os livros que tenho antes de comprar mais (é, eu sei, é difícil, mas estamos nessa batalha) venho falar hoje sobre mais uma história do mundo de gelo e fogo.

Mas ao contrário da trama política intrincada, assim como os numerosos personagens que encontramos em “As Crônicas de Gelo e Fogo”, “O Cavaleiro dos Sete Reinos” foca nas aventuras de Sor Duncan “Dunk”, o Alto, e seu escudeiro Egg, um menino de dez anos com os cabelos raspados. A história (ou melhor, as histórias, pois o livro é dividido em três partes) se passam noventa anos antes dos eventos de “As Crônicas de Gelo e Fogo”. Os Targaryen são os soberanos de Westeros e estão em seu auge. E nesse cenário acompanhamos a trajetória de um simples cavaleiro andante de “dezesseis ou dezessete anos, não sabia ao certo”.

Acho que o mais cativante em “O Cavaleiro dos Sete Reinos”, e contrastante com “As Crônicas de Gelo e Fogo”, é a escala da história. Se em “A Guerra dos Tronos” e nos demais livros da série nos deparamos com as disputas entre as grandes casas de Westeros, e boa parte dos principais personagens é nobre ou ligado à nobreza, em “O Cavaleiro dos Sete Reinos” temos Dunk. O órfão Dunk da baixada das pulgas que teve a sorte de se tornar escudeiro de Sor Arlan. A origem humilde de Dunk faz com que o leitor acabe tendo uma maior empatia com o personagem. Convenhamos, se tivéssemos nascido em Westeros nos imaginaríamos tendo uma infância abastada em Jardim de Cima ou Rochedo Casterly, ou nos preocupando em vender mercadorias, cultivar a terra, ou manter todas as mesas da taverna devidamente abastecidas de cerveja?

Enquanto os nobres de Westeros se empenham em jogos de poder, a maior preocupação de Dunk é se ao anoitecer terá uma refeição quente e um teto sobre a cabeça. E essa mudança de dimensão na história que acaba a tornando tão interessante. Dunk tem problemas práticos e nós o acompanhamos a cada passo. Outra questão interessante sobre Dunk é sua personalidade; enquanto George Martin faz questão de enfatizar que todos os personagens tem seu lado virtuoso e seu lado questionável, Duncan ainda sustenta os ideais da cavalaria. De honra e do que significa ser um cavaleiro de verdade. Isso fica claro nas três partes do livro, o que não significa que fazer o que é certo não o faça se envolver em muitos problemas. Mesmo assim Dunk sempre segue sua índole e faz o que julga ser correto.

Acredito que essas mesmas características tenham atraído Egg a desejar se tornar seu escudeiro. Egg é um menino fantástico e verossímil. Em boa parte de personagens literários que são crianças observamos certa maturidade excessiva que faz com que soe pareça artificial. Egg é muito inteligente e ao mesmo tempo tem seus momentos infantis, se surpreendendo com coisas óbvias ou tomando atitudes precipitadas. Impossível ler sobre Egg e não lembrar de meu sobrinho mais novo.

Egg é bem humorado, bem disposto e voluntarioso como se esperaria de uma criança nobre. Em certos momentos é rabugento e desaforado, mas esforçado em ser o melhor escudeiro que Dunk possa ter. Sua amizade e lealdade para com Dunk é admirável, e faz com que a leitura das aventuras dessa dupla de amigos pelos sete reinos realmente valha a pena.

Sei que não falei muito sobre o enredo. Sobre o torneio de Vaufreixo, sobre as toneladas de Targaryens que acabamos conhecendo, sobre o Corvo de Sangue, sobre a rebelião Blackfyre. Mas essas são coisas que vocês já devem ter lido nas sinopses da vida. Minha mensagem apenas é: leiam! Leiam!  Vale muito a pena. 😉

Anúncios

Um comentário sobre “O Cavaleiro dos Sete Reinos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s